No último dia do ano

quinta-feira, dezembro 31, 2009 1 comentários

Passagem do ano

O último dia do ano
não é o último dia do tempo.
Outros dias virão
e novas coxas e ventres te comunicarão o calor
[da vida.
Beijarás bocas, rasgarás papéis,
farás viagens e tantas celebraçõesde aniversário, formatura, promoção, glória,
[doce morte com sinfonia e coral,
que o tempo ficará repleto e não ouvirás o
[clamor,
os irreparáveis uivosdo lobo, na solidão.

O último dia do tempo
não é o último dia de tudo.
Fica sempre uma franja de vidaonde se sentam dois homens.
Um homem e seu contrário,
uma mulher e seu pé,
um corpo e sua memória,um olho e seu brilho,
uma voz e seu eco,
e quem sabe até se Deus...

Recebe com simplicidade este presente do
[acaso.
Mereceste viver mais um ano.
Desejarias viver sempre e esgotar a borra dos
[séculos.
Teu pai morreu, teu avô também.
Em ti mesmo muita coisa já expirou, outras
[espreitam a morte,
mas estás vivo.
Ainda uma vez estás vivo,
e de copo na mão esperas amanhecer.

O recurso de se embriagar.
O recurso da dança e do grito,
o recurso da bola colorida,
o recurso de Kant e da poesia,
todos eles... e nenhum resolve.

Surge a manhã de um novo ano.
As coisas estão limpas, ordenadas.
O corpo gasto renova-se em espuma.
Todos os sentidos alerta funcionam.
A boca está comendo vida.
A boca está entupida de vida.
A vida escorre da boca,l
ambuza as mãos, a calçada.
A vida é gorda, oleosa, mortal, sub-reptícia.

ANDRADE, Carlos Drummond de. "A rosa do povo". In: Poesia completa.. Rio de Janeiro: Nova Aguilar,2002

No meio do caminho...

segunda-feira, dezembro 28, 2009 0 comentários

Alvo de sucessivos atos de vandalismo, a estátua de bronze do poeta mineiro Carlos Drummond de Andrade, que fica no Rio de Janeiro, ganhou hoje uma câmera de segurança para inibir sua destruição. A escultura, em tamanho real, reproduz a figura de Drummond sentado, de costas para o mar, num dos bancos do calçadão de Copacabana. Segundo a prefeitura do Rio, a estátua já sofreu várias depredações. Desde 2007, os óculos já foram quebrados oito vezes.

No banco em que se encontra a estátua, há uma placa que exibe um verso do seu poema Mas Viveremos: “No mar estava escrita uma cidade”.


Uma orelha no embrulho

domingo, dezembro 27, 2009 0 comentários

A forma subjetiva de perceber a realidade, valorizando a impressão dos movimentos na natureza, caracteriza o movimento artístico Impressionismo. Seguindo a tendência impressionista, surgiu um grupo que aprimorou as técnicas para encontrar novos caminhos para a pintura, os pós-impressionistas, formado por Cézane, Gaugin e Van Gogh.

Os amigos e pintores Vicent Van Gogh e Paul Gaugin, representantes do pós-impressionismo, dividiam a técnica no trabalho e a casa onde moravam, no sul da França. Após um período de ótima convivência, eles discutiram muito e Van Gogh atacou Gauguin com uma navalha em dezembro de 1888. Inconformado com o fracasso do ataque e completamente transtornado, Van Gogh cortou o lóbulo da própria orelha esquerda. Em seguida, o entregou a uma prostituta chamada Rachel.

Durante anos essa foi uma das justificativas da automutilação de Van Gogh. O distúrbio mental do renomado pintor, a disputa com Gaugin pelo amor de Rachel e o possível envenenamento com as tintas também são sinais que fizeram com que o mundo especulasse sobre a real motivação do pintor.
Um dos principais estudiosos da obra do pintor holandês, Martin Bailey, que escreveu um livro e foi curador de duas exposições sobre Van Gogh, revelou que o artista teria cortado a própria orelha após descobrir, através de uma carta, que o seu irmão Theodorus iria se casar. Como ele era sustentado pelo irmão, teve medo de perder o apoio financeiro. Ainda de acordo com Bailey, os irmãos trocaram mais de 750 correspondências, documentos fundamentais que serviram de estudo mais aprofundado da arte de Van Gogh.


Autorretrato com orelha enfaixada.
60 x 49 cm.
1889














A moldura que é diferente

quarta-feira, dezembro 23, 2009 0 comentários

O Teatro Ferreira Gullar abre as portas nesta quarta-feira, a partir das 20h30, para o espetáculo musical “Emoldurando canções”, com Lourival Tavares. O show, que marca o encerramento da programação do teatro em 2009, conta ainda com a participação de Neném Bragança.

Evento? Emoldurando canções
Onde? Teatro Ferreira Gullar
Que horas? Às 20h30
Quanto? R$10
Com que roupa? Numa velha calça xadrez

Para ouvir: http://www.myspace.com/lourivaltavares

HDTV em São Luís: mais do mesmo

segunda-feira, dezembro 21, 2009 0 comentários

A transmissão do sinal da TV digital em São Luís vai operar em caráter definitivo. Hoje, o ministro das Comunicações, Hélio Costa, assina os termos de consignação dos canais digitais para as emissoras da cidade. No contrato com o Minicom, serão beneficiadas três emissoras da capital: a TV Mirante (afiliada da Rede Globo), a Rádio e TV Difusora (afiliada do SBT) e a Empresa Brasil de Comunicação – EBC.

Ficando cada vez mais difícil eliminar o monopólio da informação, mais uma vez observamos que os interesses privados prevalecem sobre os públicos. Com essa repetição, não dá pra esperar uma multiprogramação.

Salvando a Pátria: A lei que criou a EBC diz que a empresa deve assegurar as condições operacionais necessárias à implantação da Rede Nacional de Comunicação Pública, que inclui as TVs do Poder Legislativo (Câmara e Senado), do Executivo (NBR) e do Judiciário (TV Justiça), a TV pública federal (TV Brasil), da própria EBC, e as novas redes estatais previstas no decreto da TV Digital: Canal da Educação, Canal da Cultura e Rede da Cidadania (que serão geridos pelo Ministério das Comunicações).

Na Confecom

terça-feira, dezembro 15, 2009 0 comentários

Nos cinco minutinhos que consegui para escrever sobre a Conferência Nacional de Comunicação - Confecom, utilizo, metaforicamente, os versos de Cruz e Sousa, carregados de musicalidade e jogos de aliteração. Fica a dica!


"(...)
Vozes veladas, veludosas vozes,
volúpias dos violões, vozes veladas,
vagam nos velhos vórtices velozes
dos ventos, vivas, vãs, vulcanizadas"

(Violões que choram)

Acompanhem a transmissão (quase) ao vivo da Confecom: http://www.confecom.gov.br/transmissao

Não dêem ouvidos ao Jornal Nacional, pelamordeDeus!!!

Entrada para raros

sexta-feira, dezembro 11, 2009 2 comentários


A sensorialiadade como parte da percepção da realidade, alternando-se entre fantasia e cotidiano, é a senha para a entrada no universo do Teatro Mágico. Cheios de motivo para celebrar, a Companhia musical e circense do Teatro Mágico completa seis anos de aventuras, malabarismos e engajamento social.

Num sábado qualquer de 2005, zapeando esperançosa por uma opção legal, fiquei empolgada com a performance de um cara com o rosto pintado declamando poesia no Programa do Raul Gil. Toda aquela manifestação cultural, que misturava versos, música, circo e teatro, salvou a minha tarde. Desde então, acompanho o sarau amplificado do TM. Na junção desses elementos, o grupo já lançou dois álbuns: “O Teatro Mágico para Raros” e “O Teatro Mágico: Segundo Ato”.

As letras com um perfil contestador questionam os modelos impostos, trabalhando em prol da cidadania e dando voz aos vários discursos vulneráveis socialmente. Esse diálogo atinge o público com diferente perfis e características. Há também canções para embalar o coração e curtir uma paixão: “Ah, só enquanto eu respirar vou me lembrar de você”. De qualquer maneira, a poesia prevalece!

O que se perde enquanto os olhos piscam? Com essa indagação, cerca de 400 pessoas acompanharam a gravação da primeira versão da música que tem a pergunta como título, ao vivo pela internet. A composição coletiva e interativa já é uma das mais baixadas.

Música rara em liquidação – A favor do livre compartilhamento de arquivos musicais na internet, o Teatro Mágico lidera o movimento Música Para Baixar (MPB). Como bem definiu a Folha de São Paulo, a trupe está cada vez mais longe da mídia e perto do público. Participe do Sarau: picadeirodoTM

Senhoras e senhores, respeitável público, em tempos onde o sentir é banalizado em relação ao pensar... é cada vez mais rara essa entrada!

Com direito a reflexão e ironia

quinta-feira, dezembro 10, 2009 0 comentários



COTA ZERO



Stop.
A vida parou
ou foi o automóvel?




Carlos Drummond de Andrade
em "Alguma Poesia", 1930






Melodia dos pássaros - música eletrizante

terça-feira, dezembro 08, 2009 1 comentários




"É através da representação simbólica que nos apropriamos do mundo"
(Gilbert Duran)


A disposição dos pássaros nos fios elétricos em Santana do Livramento, interior do Rio Grande Sul, despertou o olhar de Paulo Pinto, repórter fotográfico do Estadão. Impressionado com a imagem, o publicitário Jarbas Agnelli compôs uma música baseada nas notas musicais compreendidas simbolicamente. A interdisciplinaridade entre fotografia e música pode ser conferida na doce melodia:


Ecoando por toda parte

segunda-feira, dezembro 07, 2009 0 comentários

A atividade humana é a maior responsável pela mudança climática, alterando a composição da atmosfera mundial. Em busca de acordos que reflitam um compromisso com o desenvolvimento sustentável, representantes de 193 países estão reunidos em Copenhague, capital da Dinamarca, na Conferência sobre Mudanças Climáticas das Nações Unidas.

O encontro tem por objetivo estabelecer um pacto global de redução das emissões de gases do efeito estufa, em substituição ao Protocolo de Kyoto, que vigora até 2012. O novo ciclo de desenvolvimento deve ser pautado pelos desafios impostos em conseqüência do aquecimento global, como o compromisso de limitação de emissões de gases de efeito estufa, a redução do desmatamento das florestas e, principalmente, o enfretamento à insuficiência de água potável.

Em “Sentimento do mundo”, publicado em 1940, Carlos Drummond de Andrade lança um olhar crítico sobre o mundo à sua volta. Ele retrata as guerras e o poder de destruição do homem.


Congresso Internacional do Medo

Provisoriamente não cantaremos o amor,
que se refugiou mais abaixo dos subterrâneos.
Cantaremos o medo, que esteriliza os abraços,
não cantaremos o ódio porque esse não existe,
existe apenas o medo, nosso pai e nosso companheiro,
o medo grande dos sertões, dos mares, dos desertos,
o medo dos soldados, o medo das mães, o medo das igrejas,
cantaremos o medo dos ditadores, o medo dos democratas,
cantaremos o medo da morte e o medo de depois da morte,
depois morreremos de medo
e sobre nossos túmulos nascerão flores amarelas e medrosas.

Segundo o portal G1, na cerimônia de abertura da Conferência, o secretário-executivo da Convenção das Nações Unidas sobre Mudança Climática, Yvo de Boer, destacou que “Chegou o momento de darmos as mãos”. Na mesma obra em que foi publicado “Congresso Internacional do Medo”, Drummond anuncia a solidariedade humana.

Mãos dadas

Não serei o poeta de um mundo caduco.
Também não cantarei o mundo futuro.
Estou preso à vida e olho meus companheiros.
Estão taciturnos mas nutrem grandes esperanças.
Entre eles, considero a enorme realidade.
O presente é tão grande, não nos afastemos.
Não nos afastemos muito, vamos de mãos dadas.

Não serei o cantor de uma mulher, de uma história,
não direi os suspiros ao anoitecer, a paisagem vista da janela,
não distribuirei entorpecentes ou cartas de suicida,
não fugirei para as ilhas nem serei raptado por serafins.

O tempo é a minha matéria, o tempo presente, os homens presentes,
a vida presente.

Humor (Rubro) Negro

domingo, dezembro 06, 2009 0 comentários

Euforia rima com romaria que rima com gritaria que rima com alegria que rima com tirania que rima com fantasia que rima com melodia que rima com a Maioria

Apesar de ser flamenguista (segundo o meu pai, desde pequenininha), nem fiquei empolgada com a conquista do hexacampeonato. Perdoem a minha indiferença com a final da Série A do Brasileirão 2009, 'quêqueeupossofazer!?'

A lenda do peixe francês

sábado, dezembro 05, 2009 0 comentários

Nem só da Lenda do Cabeça de Cuia vive o povo do Piauí. As aventuras de um triste peixe francês, que se apaixona pela linda moça de louça, no décimo terceiro mês do ano, fazem parte do folclore surrealista e pós-moderno piauiense. “A lenda do peixe francês” está no segundo cd da banda Validuaté, lançado em julho desse ano. O álbum intitulado “Alegria girar” é cheio de humor, magia e encantamento.

Composta pelos irreverentes Quaresma (voz), Thiago e (cavaquinho e pandeiro), Vazin (guitarra), Júnior (guitarra), Wagner (baixo) e John Well (bateria), a Validuaté já toca o terror e faz a alegria girar nas noites teresinenses e adjacências há 5 anos. Com o disco de estréia, “Pelos pátios partidos em festa”, de 2008, a banda ganhou o reconhecimento do público. Sobre o segundo trabalho dos meninos, o poeta maranhense Ferreira Gullar disse:

caminhos não há
mas os pés na grama
os inventarão

aqui se inicia
uma viagem clara
para a encantação

O próprio Gullar narra os versinhos acima na faixa de abertura do cd. Depois, os cantores Zéu Brito e Lirinha (Cordel do Fogo Encantado) participam da divertidíssima “Bruta como antigamente” e da fantástica “O Hermeto e o Gullar”, respectivamente. Em “A Lenda do Peixe Francês”, o dublador Isaac Bardavid, que faz a dublagem das personagens Esqueleto (He-Man) e Wolverine (X-Men) empresta a voz para contar um trecho da estória do peixe.

Não consegui escrever uma linha sequer sem o uso de adjetivações. Isso empobrece o texto, mas é impossível não ser passional falando sobre o som dos caras. Sem dúvidas, pra mim, Validuaté foi/é a descoberta do ano! Letras como “A Lenda do peixe”, “Eu só quero acabar com você”, “A onda”, “Superbonder”, “Eu preciso de você” compõem o top five na minha playlist!

Vejam “Eu preciso de você”, de Márcio Greyck, na versão Validuaté. Música boa sem prazo de validade!


Efeitos de fim de ano

sexta-feira, dezembro 04, 2009 1 comentários

Trabalhos, provas, prazo curto para entrega de projeto, calor, sono, ansiedade, rotina, “mimimis” desnecessários (se é que me entende), três confraternizações no mesmo dia, reflexão sobre o ano que está acabando, negligência com as propostas do Maranhão na Confecom e gente maldosa por perto são os responsáveis pelo meu esgotamento físico e mental. Ah, eu quero férias!


Na pegada do funk

quarta-feira, dezembro 02, 2009 0 comentários

O disco “Cidadão do Bem”, do Leo Maia, estava no cantinho da prateleira empoeirada da única loja de departamentos da cidade que ainda comercializa cds e dvds. Atraída pelo precinho camarada, apenas R$5, quis levar pra casa na mesma hora.

Lançado em 2008 pela LGK Music, o segundo trabalho do cantor, que é filho do Tim Maia, mistura ritmos como rock, funk, black e soul. No repertório, 13 canções, sendo oito autorais e duas com parceiros. Além de regravações como "Baby" de Caetano Veloso, "Como Vovó Já Dizia" de Raul Seixas e o clássico "Eu Amo Você", de Cassiano, eternizado na voz de Tim Maia que gravou a música no seu primeiro LP, de 1970.


Pra nunca mais dizer adeus não saiu do modo 'repeat'

você pintou meu quarto de rosa
virou estrela em todo lugar
pra tudo ficar divino e maravilhoso
pra você será e pra mim como vai ficar?


No embalo das promoções, comprei “Jeito Moleque Ao Vivo na Amazônia” (Sim, sim, adoooro pagode! O disco anterior dos moleques, também Ao Vivo, comprei assim que lançaram) e “Âmbar”, da Bethânia. Ainda não deu pra ouvi-los.

Dia de Luta

segunda-feira, novembro 30, 2009 0 comentários

Seminário no Dia Mundial de Luta contra a Aids incentiva a prevenção e o combate ao preconceito


O combate à discriminação e ao preconceito com as pessoas que vivem com HIV/Aids, a prevenção e a falta de informação da sociedade com a doença são as temáticas abordadas no Seminário do Dia Mundial de Luta contra a Aids. Promovido pelo Programa Municipal de DST/Aids, o Seminário vai acontecer no dia 01 de dezembro, das 08h às 18h, no auditório da Secretaria Municipal de Saúde.

Para que a sociedade saiba identificar as diversas formas de discriminação, ajudando a respeitar, cumprir e proteger os direitos das pessoas que vivem com HIV, o seminário é destinado aos profissionais da saúde que integram o programa de Atenção Básica, professores e supervisores do Projeto Saúde e Prevenção nas Escolas (SPE), representantes do Projovem Urbano e comunidade. Com o tema “Viver com Aids é Possível. Com o preconceito Não”, o Dia Mundial de Combate à Aids mobiliza as pessoas no mundo inteiro na luta contra a discriminação e a intolerância com os soropositivos. De acordo com a organização, estima-se que 350 pessoas participem do evento.

A sigla Aids significa Síndrome da Imunodeficiência Adquirida. O vírus da é conhecido como HIV e encontra-se no sangue, no esperma, na secreção vaginal e no leite materno das pessoas infectadas pelo vírus. Objetos contaminados pelas substâncias citadas, também podem transmitir o HIV, caso haja contato direto com o sangue de uma pessoa. De acordo com Venúsia Milhomem, o termo "aidético", embora muito utilizado, é considerado agressivo, rotula discriminação e preconceito. Os termos adequados e politicamente corretos para uma pessoa com sorologia positiva para o HIV são: pessoas vivendo com HIV, soropositivos, HIV positivo ou portador do HIV.

Formas de Contágio - A Aids é transmitida de diversas formas. Como o vírus está presente no esperma, secreções vaginais, leite materno e no sangue, todas as formas de contato com estas substâncias podem gerar um contágio. As principais formas detectadas são: transfusão de sangue, relações sexuais sem preservativo, compartilhamento de seringas ou objetos cortantes que possuam resíduos de sangue. A Aids também pode ser transmitida da mão para o filho durante a gestação ou amamentação.

Formas de Prevenção - A prevenção é feita evitando-se todas as formas de contágio citadas acima. Com relação a transmissão via contato sexual, a maneira mais indicada é a utilização correta de preservativos durante as relações sexuais. Outra maneira é a utilização de agulhas e seringas descartáveis em todos os procedimentos médicos. Instrumentos cortantes, que entram em contato com o sangue, devem ser esterilizados de forma correta antes do seu uso. Nas transfusões de sangue, deve haver um rigoroso sistema de testes para detectar a presença do HIV, para que este não passe de uma pessoa contaminada para uma saudável.

Testagem e Aconselhamento - As pessoas que desejam fazer o teste HIV devem procurar o Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) de Imperatriz, que fica no Complexo de Saúde Pública, na Rua Rafael de Almeida, s/n, Pq. Anhanguera, das 08h às 10h, às terças, quartas e sextas.

Raio-X em 3x4

segunda-feira, novembro 30, 2009 0 comentários

Foto do Castro – Praça Tiradentes


Castro Carvalho Pereira começou a fotografar profissionalmente aos 18 anos. Ainda criança, aproveitava as visitas do tio José Ferreira, que era fotógrafo, para mexer na câmera e tentar descobrir o que tinha ali dentro.

Com duas cabines na Praça Tiradentes, próximo ao Camelódromo, Castro tem uma vasta clientela. Diariamente, homens, mulheres, crianças tiram fotos 3x4. Pela dúzia de fotos, Castro cobra seis reais. Ali, na hora, ele posiciona o cliente, ajeita daqui, desentorta dali e clica. Quinze minutos depois, as fotos estão prontas. Ele não faz a impressão. Pra isso, terceiriza o serviço. As imagens são levadas ao estúdio de revelação (o mais barato, enfatiza) e são impressas. Sobre o lucro, ele disse que paga em torno de R$1,50 e R$2 para o estúdio e o resto é o que ganha.

O interesse em manter duas cabines de fotografia na Praça monopoliza o serviço. Por conta disso, Castro explica “um amigo meu que trabalhava aqui, cansou de fotografia e arranjou outro ofício. Como ele deixou a banquinha dele aí, resolvi usar. De acordo com a posição do sol, eu mudo de lugar”.

Casado há 26 anos e pai de três filhos, Castro, que recebeu esse nome em homenagem ao poeta baiano Castro Alves, diz que durante muitos anos sustentou a família apenas com o dinheiro dos seus cliques. Lembrando do trabalho ainda com as câmeras analógicas, Castro se mostra saudosista. “Pra mim, a captura da imagem na câmera com filme tem melhor qualidade, fica bem mais bonita”, declara. Ele ainda utiliza uma máquina analógica, uma câmera PRAKTICA 35-70mm, usando filmes de 200 e 400 asas.


Nascido em Imperatriz, o fotógrafo disse que construiu uma câmera instantânea feita num caixote e que conseguia tirar até 4 poses na invenção. Por conta do seu trabalho, viajou bastante. Percorreu várias cidades do Pará, Maranhão e Tocantins, confeccionando lembrando escolares para as datas comemorativas. “Tenho certeza que você tem uma foto dessas”, afirma. Além disso, fez fotos em muitos batizados, aniversários e casamentos. Ele também clica nas horas vagas e gosta de fotografar pessoas em movimento (já que isso não lhe é proporcionado nas fotos 3x4), jogos de futebol e fenômenos da natureza. Vez ou outra, brinca com as imagens manipulando-as no computador.

Atualmente, Castro usa uma câmera Sony 7.2 megapixels e trabalha das 08h às 17h. Na cabine, ele disponibiliza paletós, pente e pó compacto para o cliente que queira se produzir antes de ser retratado. Entre uma câmera digital e outra analógica, “a vantagem da máquina digital é a agilidade que ela proporciona. Além disso, a pessoa pode visualizar como ficou a foto e se quiser, a gente apaga e faz outra”, completa.

Em noites de lua

quarta-feira, novembro 25, 2009 0 comentários

Será inaugurado logo mais à noite o Cineclube Muiraquitã, que vai funcionar todas as quartas-feiras, a partir das 18h30, no auditório da Ufma. O nome do cineclube é uma homenagem ao mais antigo cinema de Imperatriz, fundado por Manoel Ribeiro no final da década de 50.

O espaço é dedicado à exibição de produções audiovisuais que não fazem parte do mercado de distribuição tradicional. De maneira democrática, os idealizadores do cineclube Carlos Henrique Brandão e Marcos Fábio, com o apoio da Coordenação do Curso de Comunicação, vão possibilitar uma programação periódica de filmes, a plateia vai poder sugerir títulos e temas. Após a exibição das películas, vai rolar um bate-papo com os participantes.

Confira a pré-programação dos meses de novembro e dezembro, que tem os documentários como temática:

25/11 – Brega S/A
02/12 – Serra Pelada
09/12 – Filhas da Chiquita
16/12 – Terra de Negro

[Conheça a lenda do Muiraquitã, o amuleto de atração lunar]

Um dia, um adeus

terça-feira, novembro 24, 2009 0 comentários

Um dos maiores sucessos de Guilherme Arantes, "Um dia, um adeus", de 1987, foi regravado por Vanessa da Mata no cd/dvd Multishow Ao vivo. O pagodeiro Belo também gravou a música no primeiro disco solo de sua carreira. Eu tenho as três versões da canção e não me canso de ouvir... a letra é simplesmente liiiinda!

Liberdade e responsabilidade na internet

terça-feira, novembro 24, 2009 1 comentários

O acesso à internet é fundamental para ampliar o direito à informação. Por conta disso, a produção de conteúdo na rede necessita ser discutida amplamente pela sociedade. Para que a internet não seja uma terra sem lei, é preciso criar regras que especifiquem (não é censurar) o que pode ou deve circular.

Não concordo com a criminalização do blog do estudante de jornalismo Emílio Moreno da Silva Neto, condenado pela Justiça cearense. Leia a matéria no G1, clique aqui!

Acredito que todo blogueiro tem o direito de aceitar ou não comentários anônimos, não sendo responsável pelo seu conteúdo! Se há mediação, cabe ao responsável pelo blog avaliar a importância da divulgação do conteúdo e/ou a exposição das pessoas envolvidas. Caso haja alguém que se sinta atacado, o mesmo blog que noticiou a informação com teor desagradável e ofensivo deve garantir o direito de resposta.

Da arte de levar topada

terça-feira, novembro 24, 2009 1 comentários

Vivo levando topada... todos os dedinhos dos pés direito e esquerdo já foram contemplados. Vira e mexe machuco a canela, perco uma unha, aparece um roxo depois de bater o quadril no móvel. Adivinhem o motivo? Choque involuntário com um obstáculo, que como o nome já diz, é um impedimento do homem/ mulher de ir e vir ileso, sem nenhum arranhão.

E não me diga que é distração! Por mais que calcule-visualize-imagine a dimensão dos espaços, parece inevitável... o meu corpo vai de encontro àquele cantinho. Na mesinha de centro (que sempre esteve ali, parada, estática), na calçada, na porta, seja lá onde for, há um jeito pra eu me arrebentar. E nessa hora, o grito é insuficiente. A dor fina, aguda, toma conta de mim. Não há racionalidade! Então, misturam-se dor, estupidez e raiva. Aiii, #*%¨!!!

Kitsch deslocado no tempo

segunda-feira, novembro 23, 2009 0 comentários

Esse post é dedicado ao meu querido amigo Sérgio Barroso que me fez acreditar na seguinte afirmação: Diana também é alta cultura!




A canção do filme “Céu de Suely” foi gravada por Diana em 1972. Produzido por ninguém mais ninguém menos que Raul Santos Seixas, o disco homônimo da a ex de Odair José emplacou vários sucessos como "Fatalidade" e "Porque brigamos". Estima-se que a "Cantora apaixonada do Brasil", apelido dado pelos fãs, chegou a vender 20 milhões de cópias.

Rifa-se uma noite no paraíso

segunda-feira, novembro 23, 2009 0 comentários

“O céu de Suely" é o título de hoje do Projeto Cinema no Teatro. Com entrada franca, o filme será exibido no Teatro Ferreira Gullar, a partir das 19h. O drama dirigido pelo cearenese Karim Aïnouz, que já é um conhecido do público desde o longa-metragem "Madame Satã", foi lançado em 2006 e traz como tema da protagonista o clássico "Tudo que eu tenho" da inesquecível Diana.


Sinopse - Hermila (Hermila Guedes) é uma jovem de 21 anos que está de volta à sua cidade-natal, a pequena Iguatu, localizada no interior do Ceará. Ela volta juntamente com seu filho, Mateuzinho, e aguarda para daqui a algumas semanas a chegada de Mateus, pai da criança, que ficou em São Paulo para acertar assuntos pendentes. Porém o tempo passa e Mateus simplesmente desaparece. Querendo deixar o lugar de qualquer forma, Hermila tem uma idéia inusitada: rifar seu próprio corpo para conseguir dinheiro suficiente para comprar passagens de ônibus para longe e iniciar nova vida.

Para agradar gregos e troianos

domingo, novembro 22, 2009 0 comentários

Coco, cocada e embolada


O Circuito Universitário de Cultura e Arte (CUCA), em parceria com o Departamento de Assuntos Culturais da Universidade Federal do Maranhão, realizou a semifinal do I Som na Cuca, quinta-feira, 19, na área em frente ao prédio da Biblioteca Central, em São Luís. Foram selecionados dez finalistas que concorreram, na noite de ontem, as premiações que variam de R$500 a R$2 mil reais.

O grupo Afrodites comandou o show de abertura. Com canções autorais e músicas de cantores da região, as dez meninas que compõem o grupo fizeram uma apresentação performática e poética. Flores, cores e gingado se destacam no palco, ao mesmo tempo em que as deusas trocam de música e instrumentos.

Numa ode ao mestre Antonio Vieira, o homenageado do Som na Cuca, a cantora Cris Campos e todo o jardim animaram a plateia. Ninguém ficou parado! Houve quem requebrasse os quadris, mexesse o pezinho, levantasse o dedinho e balançasse a cabeça. O som das moças é contagiante, tem coco, axé, afoxé, maracatu e reggae.

Bastante açucarada, a receita tradicional de cocada é surpreendente. A música mistura percussão, melaço e açúcar cristal com drum and bass. Sem dúvidas, a melhor da noite!

No topo do Monte Olimpo você pode encontrar:



Comunicação em debate

sábado, novembro 21, 2009 0 comentários

A 1ª Conferência Estadual de Comunicação (Conecom) foi realizada nos dias 17 e 18 de novembro, no Convento das Mercês, em São Luís. Representantes do poder público, empresários e da sociedade civil participaram do evento que teve como tema “Meios para a construção de direitos e cidadania na era digital”.

A Conferência foi composta por palestras, grupos de trabalho e plenária final. Destaque para o painel “A comunicação que temos e a comunicação que queremos”, onde os convidados Carolina Ribeiro (representante do Coletivo Intervozes) e o deputado estadual Joaquim Haickel, que também é radiodifusor, mostraram opiniões divergentes sobre os rumos da Comunicação no Maranhão e no Brasil. Já os grupos de trabalho foram realizados de acordo com os eixos da Conferência Nacional: produção de conteúdo, meios de distribuição e cidadania.

O Maranhão tem direito a 50 delegados, sendo 22 da sociedade civil, 22 do segmento empresarial (foram eleitos 21) e seis do poder público. A conferência foi convocada pela Secretaria de Estado da Comunicação, organizada e coordenada por uma comissão formada por representantes dos três segmentos.

Na plenária final, foram aprovadas as diretrizes e moções dos participantes e eleitos os delegados do Maranhão para a 1ª Conferência Nacional de Comunicação, que será realizada em Brasília, de 14 a 16 de dezembro.

A Conecom foi precedida de conferências livres. Estas fases preparatórias aconteceram em Imperatriz, nos municípios da Baixada e em São Luís. Mesmo com a inviabilidade do governo do estado em garantir a participação dos imperatrizenses na etapa estadual (logisticamente falando), com muito esforço e apoio da Agência de Notícias da Infância Matraca, a Região Tocantina foi representada por sete pessoas (seis de Imperatriz e uma de Açailândia).

Vejam as fotos:

Solenidade de abertura: Luciano Nascimento (Intervozes), Sérgio Macedo (Secretário de Comunicação); José Sóter (Coordenador Executivo Nacional da Associação Brasileira de Rádio Comunitária - Abraço); Carolina Ribeiro (Comissão Pró-Conferência Nacional) e Joaquim Haickel.



Estudantes de Comunicação Social da Ufma de Imperatriz participaram das discussões sobre o desenvolvimento de políticas públicas de Comunicação.











Democratização da Comunicação: sociedade civil, sociedade civil emprearial e poder público.

Do lado de cá ao lado de lá

sábado, novembro 21, 2009 0 comentários

A travessia do Rio Tocantins no ponto que liga a cidade de Imperatriz, no Maranhão, e Bela Vista, no Tocantins, atualmente é realizada por meio de balsas. A empresa que realiza o tráfego de veículos e pessoas há quase 20 anos, Pipes, cujas letras representam as iniciais do seu proprietário - Pedro Iran Pereira do Espírito Santos -, vai deixar de trafegar assim que a Ponte da Integração ou da Amizade (nomes provisórios) for liberada para o acesso.

De acordo com o governo do estado do Maranhão, a ponte sobre o Rio Tocantins será entregue na primeira semana de dezembro. As pessoas de ambos os lados que precisam atravessar o rio para trabalhar, estudar e passear não precisarão mais esperar a balsa. Por ser uma obra pública, a população também não terá nem um gasto para fazer a travessia.




A empresa proprietária das balsas tem sede em Carolina e fornece serviços em vários lugares dos estados do PA, TO e MA.
  • Sobre a inaguração da ponte, que aconteceu em março, clique aqui!


"Nascida nos movimentos sociais, a idéia da República percorrera as ruas, o campo e chegara aos locais onde padeciam as suas populações sofridas. Crescera, ainda que sem uma elaboração ideológica mais consistente, em meio às vicissitudes da luta.

(...)

E, nesse sentido, o movimento republicano foi plural, isto é, expressava concepções diferentes, oriundas de segmentos desiguais, do ponto de vista da estratificação social"


(Lincoln de Abreu Penna. República Brasileira. Ed. Nova Fronteira, Rio de Janeiro, 1999, p. 39)


Todo dia de manhã é nostalgia

sexta-feira, novembro 13, 2009 1 comentários

Deixo tudo assim. Não me importo em ver a idade em mim, ouço o que convém. Eu gosto é do gasto. Sei do incômodo e ela tem razão quando vem dizer que eu preciso sim de todo o cuidado. E se eu fosse o primeiro a voltar pra mudar o que eu fiz. Quem então agora eu seria? Ahh tanto faz! E o que não foi não é, eu sei que ainda vou voltar… Mas, eu quem será?

Deixo tudo assim, não me acanho em ver vaidade em mim. Eu digo o que condiz. Eu gosto é do estrago. Sei do escândalo e eles têm razão. Quando vem dizer que eu não sei medir, nem tempo e nem medo. E se eu for o primeiro a prever e poder desistir do que for dar errado?

Ahhh, ora, se não sou eu quem mais vai decidir o que é bom pra mim? Dispenso a previsão. Ahhh, se o que eu sou é também o que eu escolhi ser aceito a condição. Vou levando assim. Que o acaso é amigo do meu coração quando falo comigo, quando eu sei ouvir…

[O velho e o moço, Rodrigo Amarante]

Dotados de polegar opositor

quinta-feira, novembro 12, 2009 0 comentários

"Livre é o estado daquele que tem liberdade.
Liberdade é uma palavra que o sonho humano alimenta,
que não há ninguém que explique e ninguém que não entenda"
(Cecília Meireles - Romanceiro da Inconfidência)

O Coletivo Brasil de Comunicação Social Intervozes, com o apoio da Fundação Friedrich Ebert Stiftung, produziu o vídeo "Levante sua voz". O filme fala sobre o direito à comunicação e retrata a concentração dos meios de comunicação no Brasil.

Vale muiiito a pena conferir!

Intervozes - Levante sua voz from Pedro Ekman on Vimeo.

quarta-feira, novembro 11, 2009 1 comentários


UFMA realiza I Congresso de Aplicação Jurídica


“A Doutrina Penal e Processual revelada sobre Imperatriz” é o tema do I Congresso de Aplicação Jurídica, que vai acontecer nos dias 13 e 14 de novembro, no auditório do Palácio do Comércio. Promovido pelo Projeto de Extensão da 23° Turma de Direito da Universidade Federal do Maranhão, sob orientação da professora Paula Regina Pereira, o evento é voltado para os estudantes e profissionais do Direito.

A solenidade de abertura vai acontecer sexta-feira, 13, às 19h, no auditório do Palácio do Comércio. O Juiz Federal, Lucas Rosendo Máximo, abordará o seguinte tema “O Recebimento da Denúncia na Atual Legislação Processual Penal”. Já na segunda palestra, a promotora de justiça, Fernanda Helena Nunes, vai falar sobre “O Atual índice de Criminalidade em Imperatriz diante das Reformas penais e Processuais”.

De acordo com o coordenador acadêmico do evento, Ezequias Mesquita, o objetivo do Congresso é discutir a aplicação das doutrinas Penal e Processual, tendo em vista as recentes modificações sofridas. “O índice de criminalidade, O Sistema carcerário, O perfil da Criminalidade e aplicabilidade no Direito específico da Justiça Militar também serão temáticas contempladas”, completa.

As inscrições para os interessados em participar do I Congresso de Aplicação Jurídica podem ser feitas no Departamento de Direito da UFMA e nas Promotorias de Justiça de Imperatriz. O valor cobrado é de R$30 para estudantes e R$45 para profissionais. Outras informações: (99) 8117-7106.

O sentido vem antes da forma

segunda-feira, novembro 09, 2009 1 comentários

vazio agudo
ando meio
cheio de tudo

[Paulo Leminski]



“Tira é como o hai-kai: é concisa, curta, difícil de fazer”
[André Dahmer, criador dos quadrinhos “Os malvados”]







Novo Prédio da UFMA

segunda-feira, novembro 09, 2009 1 comentários

Prefeitura trará melhorias ao acesso à segunda unidade da UFMA
Sede do Bom Jesus terá os cursos das áreas de Tecnologia e Saúde

A direção do Centro de Ciências Sociais, Saúde e Tecnologia/ UFMA Imperatriz solicitou ao prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira, a viabilização da infraestrutura para o primeiro acesso às novas instalações da Universidade no Bairro Bom Jesus. A reunião foi realizada na Prefeitura de Imperatriz no dia 8 de outubro.

Segundo o diretor do campus II, Jéferson de Deus Moreno, as obras do segundo prédio já estão em fase de conclusão. A área construída possui uma estrutura com de salas de aula e laboratórios. “A previsão é que no início do primeiro semestre do próximo ano os alunos das áreas tecnológica e da saúde se desloquem para lá”, completa.

O prefeito de Imperatriz afirmou que providenciará as melhorias na estrada que dá acesso à segunda unidade da UFMA em Imperatriz. Também informou que irá analisar a possibilidade de construir outro acesso à nova unidade da UFMA. “Também solicitamos empenho do prefeito para garantir que as linhas de transporte coletivo que atendem a região sejam estendidas até o campus”, informou o professor Jéferson.

Na ocasião, também foi apresentado ao prefeito proposta de convênio para estágio dos alunos da Universidade nas secretarias municipais. Para Sebastião Madeira, a Instituição amplia sua contribuição à rede municipal, firmando o acordo. “Os interesses da Instituição também são interesses do município”, completou Madeira.

Atualmente as aulas dos cursos de Ciências Sociais, Saúde e Tecnologia – Ciências Contábeis, Direito, Jornalismo, Engenharia de Alimentos, Enfermagem e Pedagogia acontecem na sede localizada na Rua Urbano Santos, no Centro da cidade. A segunda sede, no bairro do Bom Jesus, terá os cursos das áreas de Tecnologia e Saúde.

Made in Maranhão

domingo, novembro 08, 2009 0 comentários

O cantor carioca Seu Jorge apareceu no palco do Faustão para divulgar o seu mais recente álbum, “América Brasil”. No repertório, músicas desde os tempos em que ele fazia parte do Farofa Carioca.

Acompanhado pela banda, Seu Jorge cantou três sucessos “Pessoal Particular”, “Burguesinha” e “Mina do Condomínio”. Quem ganhou destaque nas imagens foi o gaitista maranhense, Junior Gaiato, que no início da carreira tocou muito rocj, blues e jazz nos barzinhos de São Luís.

Para conferir o trabalho do multi-instrumentalista, acesse: Myspace Jr. Gaiatto



A ingratidão de uma mulher

quinta-feira, novembro 05, 2009 2 comentários

De uma moça para um rapaz

Teu amor
por mim

é tão
simples

tão
fino

tão
lindo

que me dá sono

[Abílio Dantas em outros nós: guardanapos escolhidos]

Então, é Natal?

Mal passou o Dia das Bruxas e as vitrines já estão decoradas com motivos natalinos. É, a cada ano o Natal chega mais cedo...

Na tevê, já se vê o Papai Noel como garoto propaganda de eletrodomésticos, automóveis e brinquedos. Bolas coloridas, guirlandas, anjos e estrelas também se amontoam nas prateleiras.

Aqui em casa, minha mãe ainda não se animou em resgatar um ipê desmontável e várias fileiras de pisca-piscas de caixas empoeiradas, que sabe-se lá por onde andam. O presépio, então, precisa ser renovado. Sempre tem um primo pirralho que cisma em brincar com uma das personagens da Noite Feliz. Não resta uma vaquinha sequer.

Enfim, essa nem era a minha ideia! Queria muito escrever uma crítica sobre o espírito consumista que reina nesse período. A antecipação da data, nada mais é que o estímulo aos gastos exagerados e, até mesmo, desnecessários. Mas, assim que se aproxima essa festa, só me lembro dos ursos polares nas geleiras do Antártico (ou seria do Ártico?) e o jingle da Coca-Cola: "O Natal vem vindo, vem vindo o Natal..." Maior contradição não há!

Nada de Follow Me

terça-feira, novembro 03, 2009 4 comentários

Twitter: botão cancelar

De tanto me sentir um peixe fora d’água nas conversas pelos corredores da Ufma, resolvi fazer meu twitter. Tem sempre aquele ou aquela que cita algo e faz piada com as atualizações de um conhecido ou até mesmo de um famoso. E eu por fora...

As pessoas vivem me perguntando se tenho twitter. Outro dia, ao preencher a lista de freqüência de um seminário, vi que tinha espaço para nome, e-mail e twitter. Eu era uma das únicas a manter o lugar sobre o twitter em branco.

De tanto insistirem, entrei na onda. Me cadastrei facilmente e, em seguida, localizei várias pessoas conhecidas de Imperatriz e desse mundão de meu Deus. Achei legalzinho. Tentei incrementar, enfeitei a minha página, fiquei pensando no que escrever pra utilizar a nova ferramenta de forma produtiva e, ao mesmo tempo, não parecer tão ridícula.

Isso tudo aconteceu em 27 minutos... Tempo suficiente pra ficar entediada com o que li! A maioria das pessoas não tem algo tão importante ou surpreendente acontecendo em suas vidas e, mesmo assim, twittam. Se o seu o cachorro tomou banho, se a roupa da Mariah Carey é um luxo e/ou se você dirigiu a 120km/h ouvindo Billie Jean, definitivamente, nada disso me empolga . É claro que não posso generalizar. Tem muita coisa boa como dicas de filmes, recomendações de sites, tem até aquele carinha interessante na rede. Mas, de legalzinho passei a achar super chato!

Um dos motivos que me fez desistir da idéia é o fato de ser desinteressante demais pra ter seguidores. E pra ganhar notabilidade, ou não, eu tinha que me exibir mais do que já me exponho no blog e no foforkut. Além disso, abreviar quase todas as palavras (pra caber nos cento e pouquinhos caracteres) me parte o coração.


Tirinha de humor: malvados

Poema de três versos

segunda-feira, novembro 02, 2009 1 comentários

Dia de Finados
Formigas carregam
Pétalas que caem.


[Jorge Lescano]

Pra não dizer que eu não falei da fantasia

“Quando os Novos Baianos começaram, o Brasil era o Brasil da ditadura, da censura, do exílio e os artistas estavam sendo mandados para fora do país. Nós chegamos com muita coragem: cabeludos, roupas coloridas, que, na época, era um problema sério. Foi dentro desse contexto que nossa ‘tribo paz e amor’ tramou a sua viagem, o sonho como protesto e no lugar do tremor, talento e muita coragem” (Moraes Moreira)

O Programa Som Brasil da Rede Globo, exibido na madrugada, homenageou o cantor e compositor Moraes Moreira. A mistura de ritmos como baião, rock e afoxé são características do músico baiano.

As apresentações foram marcadas pela versatilidade musical. No palco, Márcia Castro, Jussara Silveira, Teresa Cristina, Rita Ribeiro, Aline Muniz, Davi Moraes e o próprio Moreira. Os novos arranjos das letras, que fizeram sucesso na voz de Moraes Moreira e dos Novos Baianos, tiveram a assinatura de Guto Graça Melo.

A lindíssima cantora carioca, Aline Muniz, interpretou um dos clássicos dos Carnavais, “Bloco do Prazer”. Na outra rodada, ela emocionou cantando “Palavras ao vento”, uma música que conheci na voz da Cássia Eller e nem sabia que era do Moraes. A percussionista Lan Lan, que acompanhava Cássia, também participou do show.

Já Davi Moraes, filho do homenageado, cantou com o pai o sucesso “Acabou Chorare”, de 1970. A música deu nome ao segundo disco dos Novos Baianos, formado por Moraes Moreira, Pepeu Gomes, Baby Consuelo e Paulinho Boca de Cantor. De acordo com a revista Rolling Stone, o álbum é um dos 100 maiores discos da Música Brasileira.

No espaço seresteiro da elétrica cultura, a cantora maranhense Rita Ribeiro, a mineira Jussara Silveira e a sambista Teresa Cristina cantaram, juntas, “Meninas do Brasil“. Veja o vídeo:



Movimento cooperativo

quinta-feira, outubro 29, 2009 0 comentários

Os desafios da economia solidária

Com o objetivo de contribuir para a construção de uma sociedade sustentável, o Centro de Educação e Cultura do Trabalhador Rural (Centru-MA) realiza atividades de formação e divulgação da economia solidária.

A economia solidária é uma prática social regida pelos valores da autogestão, democracia, cooperação, solidariedade, respeito à natureza, promoção da dignidade e valorização do trabalho humano. Também é entendida como uma estratégia de enfrentamento e superação da exclusão social.

De acordo com o Centru, no Maranhão foram identificados 783 empreendimentos solidários. Para divulgar a organização e produção desses grupos, serão realizadas Feiras Territoriais da Agricultura Familiar e Economia Solidária.

Em Imperatriz, a primeira reunião para a apresentação da propostas da Feira na Região Tocantina vai acontecer dia 03 de novembro, às 16h30, na sede da Centru, que fica na Rua Brasil, 794, Nova Imperatriz.

Tendo em vista um projeto de desenvolvimento sustentável global e coletivo, acreditamos que a solidariedade e o cooperativismo são possíveis mesmo com tantas adversidades.Veja quais as características de uma organização considerada como empreendimento solidário: clique aqui!

Riscando o céu

quarta-feira, outubro 28, 2009 1 comentários


“O futuro tem vários nomes.
Para os fracos é inatingível.
Para os medrosos, o desconhecido.
Para os corajosos, a chance”

Victor Hugo



Cliques e práticas ambientais

terça-feira, outubro 27, 2009 0 comentários

Curso de Jornalismo promove concurso fotográfico com foco no Meio Ambiente

Com o tema “Jornalismo e o Meio Ambiente", a coordenação do curso de Jornalismo da Ufma vai realizar o I Concurso de Fotografia. O evento faz parte da programação do III Simpósio de Comunicação da Região Tocantina, que acontece entre 11 e 13 de novembro.

O concurso tem como objetivo incentivar os participantes a expressarem suas idéias sobre as questões ambientais através da fotografia. O prêmio é destinado a fotógrafos amadores de qualquer idade. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até 06 de novembro, na Coordenação de Jornalismo, das 14h às 18h.

O trabalho de cada participante deve ser individual e cada inscrito poderá concorrer com, no máximo, duas fotografias. Imagens alteradas eletronicamente não serão aceitas. Tanto as fotografias produzidas em formato analógico como digital serão aceitas, sendo exigido somente que estas sejam impressas em papel fotográfico no formato 30 x 20.

As fotografias serão apresentadas em uma exposição no prédio do curso de Jornalismo e avaliadas pelos visitantes interessados em participar da eleição. Com uso de cédulas e urna lacrada, a votação será direta e com registro dos votantes através de documento de identificação com foto.

A atualidade de Rosa de Luxemburgo

domingo, outubro 25, 2009 0 comentários



A desconstrução do pensamento é indispensável para a construção de uma sociedade mais justa. Após as Conferências de Comunicação e de Cultura e das reflexões do jornalista Caco Barcellos, durante a palestra no VII Salão do Livro, o que me vem à cabeça é a seguinte citação:

“Há todo um velho mundo ainda por destruir e todo um novo mundo a construir. Mas nós conseguiremos, jovens amigos, não é verdade?”

[Imagem: Logo do Encontro dos Estudantes de Comunicação (Enecom) 2009]

Oportunidade inédita de intervir no futuro da Comunicação


Com o tema “Comunicação: meios para a construção de direitos e de cidadania na era digital”, a Universidade Federal do Maranhão vai realizar a I Conferência de Comunicação de Imperatriz, nos dias 22 e 23 de outubro.

O debate é de interesse da sociedade, visto que a Comunicação passa a ser entendida como um direito do cidadão. Podem participar estudantes e profissionais da área, empresários, movimentos sociais, artistas, produtores culturais, organizações não governamentais, etc.

A Conferência de Comunicação de Imperatriz será organizada em palestra, grupos de trabalho e plenária final, onde serão apresentadas as propostas de cada GT. Em seguida, as diretrizes serão sistematizadas e encaminhadas à Comissão Pró-Conferência de Comunicação Estadual.

Em todo o Brasil, os setores ligados ao campo midiático estão mobilizados visando participar da I Conferência Nacional de Comunicação, que será realizada em Brasília, no período de 14 a 17 de dezembro.

Confira a programação:

- 22 de outubro (Quinta-feira)

14h às 18h: Credenciamento dos participantes na Ufma
19h: Palestra no auditório da Ufma
“Comunicação: meios para a construção de direitos e de cidadania na era digital”, com o Prof. Dr. Francisco Gonçalves da Conceição, coordenador do Curso de Jornalismo da Ufma, em São Luís.
19h45: Debate
21h: Lançamento do livro “Entrevozes: enredos midiáticos”, vários autores.

- 23 de outubro (Sexta-feira)

08h às 12h: Debate nos Grupos de Trabalho
O debate envolve assuntos ligados à Televisão, Rádio, Internet, Telecomunicações, Cinema, Mídia impressa e Mercado editorial
14h: Apresentação e sistematização das propostas dos grupos de trabalho.
17h: Encerramento com apresentações culturais do Projeto ComCultura

Toca e deságua no Tocantins

quarta-feira, outubro 21, 2009 1 comentários


Estrela

É bonito ver você
Banhar de luz meu coração
Brincar de encher o meu porão
E derramar minha razão
É infinito ser e me encontrar
No teu querer
no teu brilhar
Só pra te
Ter e me entregar
Ao que é você estrela
Livre num canto da sala
Engulo sopros de você
Me conta com é ser assim
Ser pra mim
do outro lado do ser


O cantor e compositor Carlinhos Veloz estará em Imperatriz no dia 23 de outubro, na Romanos Pizzaria, a partir das 21h. Os ingressos para o show custam R$10,00 (antecipadamente).

A última apresentação do cantor por aqui foi em junho do ano passado, no Teatro Ferreira Gullar. Acompanhado pelos músicos da Banda Legenda, de São Luís, Carlinhos emocionou a plateia com Viagem de Novembro, que fica tão linda quanto na voz da Lena Garcia, e fez todo mundo dançar ao som de Ilha Bela e Vibratons. Cantando Imperador Tocantins, ele deixa de ser o centro das atenções e vira mero espectador, já que nesse momento, o público cantarolante rouba a cena. Fiquei tão entusiasmada que assisti às duas sessões.

Em 2006, depois de uma longa temporada sem dar as caras por aqui, Carlinhos Veloz também fez um show na Romanos. Dessa vez, ele sobe ao palco com Wilson Zara. Não sabemos ao certo se eles vão dividir ou alternar as apresentações.

Mesmo com tantas músicas lindas, eu sempre saio dos shows meio frustradinha. A minha preferida, Estrela, a qual ele se refere como "divino inspirador", nunca faz parte do repertório. Outra que gosto muito do disco "Vibratons", de 2001, é Beija-flor. "... ser assim, beija-flor, azulzinho, beija-flor, bonitinho e sedutor... pra ganhar o teu amor divina flor"

Ô, Carlinhos, canta ESTRELA! Ô, Zara, toca RAUL!


[Foto no Teatro Ferreira Gullar, 06 de junho de 2008]

Conferências livres de Comunicação

quarta-feira, outubro 14, 2009 0 comentários


Mobilização no Maranhão


A I Conferência Nacional de Comunicação vai acontecer nos dias 08, 09 e 10 dedezembro, em Brasília. O evento será um momento histórico para a sociedade brasileira, quando todos os setores discutirão propostas para construir uma política pública nacional de comunicação.

Etapas preparatórias já estão acontecendo em todo o Brasil. Em São Luís, a Agência de Noticias da Infância Matraca realizará durante todo o dia de amanhã, a I Conferência Livre de Adolescentes e Jovens do Maranhão, no Parque Botânico da Vale.

Com o eixo “Cidadania: Direitos e Deveres”, o evento vai reunir adolescentes e jovens da capital e do interior do Maranhão de organizações juvenis, escolas públicas e privadas, adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas em meio aberto (prestação de serviço à comunidade), além de lideranças juvenis. Considerando a importância do tema Infância e Adolescência e o protagonismo infanto-juvenil, o objetivo é discutir propostas para uma nova comunicação no país.

Durante a Conferência serão debatidos temas como: Educação para Mídia, Direito a Comunicação, Respeito e Promoção da Diversidade e Crescer sem Violência: Comunicação no contexto da Proteção à Infância e Adolescência. Em seguida, um plano de propostas será enviado à comissão organizadora da Conferência Nacional de Comunicação.

Um filme de Glauber Rocha...

terça-feira, outubro 13, 2009 1 comentários

... 43 anos depois

Entre 1966 e 1971, José Sarney governou o estado do Maranhão. A cerimônia de posse foi registrada por Glauber Rocha, que além de uma câmera na mão tinha muita ideia na cabeça.

O documentário Maranhão 66 intercala a posse do governador, no dia 30 de janeiro de 1966, com as cenas do cotidiano dos maranhenses. O filme foi financiado pelo próprio Sarney, que não gostou nada, nada, do vanguardismo de Glauber.

Durante o discurso, o jovem político se compromete em acabar com a miséria do Maranhão. As imagens de pobreza, miséria e fome se sobrepõem a voz do então governador. Veja o curta-metragem!

Por cima da realidade imediata

segunda-feira, outubro 12, 2009 2 comentários

Rio Tocantins, sábado, às 17h30


Que é Poesia?
uma ilha
cercada
de palavras
por todos os lados.

(Cassiano Ricardo)

Saiu no Estadão

segunda-feira, outubro 12, 2009 0 comentários

''Presunção de inocência é para o direito penal''


O juiz eleitoral Marlon Reis, um dos organizadores da Campanha Ficha Limpa, afirma que a sociedade tem direito de estabelecer os critérios para a candidatura de um político. Para ele, o princípio da presunção de inocência, que impede a punição de um acusado antes de esgotadas todas as instâncias de defesa, não pode ser invocado quando se trata de políticos e eleições. Dessa forma, inelegibilidade não é pena, é critério.

A Campanha Ficha Limpa é um projeto de iniciativa popular, que coletou 1,3 milhão de assinaturas em defesa da proibição da candidatura de políticos condenados pela Justiça. O projeto foi protocolado na Câmara no final de setembro e deverá ser votado até junho do ano que vem, para que possa valer nas eleições de 2010.


Leia a entrevista completa com Marlon Reis: Estadão de hoje.



O Combate à Corrupção Eleitoral é uma das bandeiras do Comitê da Cidadania de Imperatriz. Na tarde de sábado, os membros do Comitê se reuniram para definir o plano de ações para o último trimestre do ano. Participaram da reunião o presidente do Comitê, Hugo Trajano, o juiz Marlon Reis, os promotores Sandro Bíscaro e Nahyma e os membros efetivos.







Política da diversidade

domingo, outubro 11, 2009 0 comentários

"A democratização do Brasil supõe a democratização da comunicação, com informações confiáveis e a superação da concentração da propriedade no setor"

(Pedro Wilson, deputado do PT-GO)

Trecho retirado de “Imprensa estrangeira e brasileira, dois olhares sobre um mesmo país”. Nota publicada sobre mídia no site do Partido dos Trabalhadores – PT.

Num país onde a televisão e o rádio são os principais meios de difusão, não há como pensar em democracia sem refletir sobre as distorções mostradas nos grandes veículos de comunicação e o seu comportamento influenciador.

Embora concorde com o deputado Pedro Wilson, não compartilho sua inquietação. Os petistas, peemedebistas, democratas e quaisquer que sejam suas filiações, devem estimular políticas públicas que pensem a comunicação como um todo. Não considerando apenas e tão somente, a percepção distinta de uma abordagem da mídia em relação às ações de um partido. Os meios de comunicação devem estar a serviço do povo.

A verdadeira ameaça à democracia é a exclusão da garantia de direitos dos movimentos sociais, mulheres, negros, sindicatos, índios, pessoas com deficiência, homossexuais, todas as religiões e credos. Enfim, não há sociedade democrática sem meios de comunicação social democráticos!

Certas canções são eternas

sábado, outubro 10, 2009 1 comentários

Flávio Venturini e Marina Machado


Conferência de Comunicação de Imperatriz será realizada nos dias 22 e 23 de outubro

Foto: Josa Almeida

A comissão Pró-Conferência de Imperatriz se reuniu com o prefeito Sebastião Madeira. O encontro aconteceu na tarde de ontem, na Prefeitura. Na ocasião, a coordenadora do curso de Comunicação Social/ Jornalismo, Roseane Pinheiro, entregou ao prefeito o projeto da Conferência. “A Confecom coloca em discussão políticas para o setor em uma arena pública, onde todos podem participar”, afirma Roseane.

A Conferência de Comunicação de Imperatriz vai acontecer nos dias 22 e 23 de outubro, na UFMA. As inscrições podem ser feitas na coordenação de Jornalismo, das 14h às 18h. Para Sebastião Madeira, é preciso ampliar o espaço para o debate. “A parceria entre UFMA e município vai possibilitar uma maior mobilização da comunidade”, completa. De acordo com o diretor do Centro de Ciências Sociais, Saúde e Tecnologia, Jéferson de Deus, as discussões podem conduzir a ações práticas, beneficiando a população.

As etapas municipais têm caráter mobilizador, não elegem delegados. Organizada em grupos de trabalho (GTs), a Confecom municipal visa o desenvolvimento e a ampla participação da sociedade na discussão sobre: televisão, rádio, internet, telecomunicações, cinema, mídia impressa e mercado editorial. A formulação das propostas será encaminhada à etapa estadual.

A Conferência Nacional de Comunicação (Confecom) foi adiada por decisão da Presidência da República. A etapa nacional será realizada nos dias 8, 9 e 10 de dezembro, uma semana após a data prevista no decreto que convocou a conferência (1, 2 e 3 do mesmo mês). A informação foi repassada a membros da Comissão Organizadora Nacional (CON) pelo consultor jurídico do Ministério das Comunicações, Marcelo Bechara.

Edição EXTRA

quinta-feira, outubro 08, 2009 0 comentários

No ar - Viva a família brasileira!


Na Operação Boi Barrica, da Polícia Federal, uma sequência de gravações foram gravadas entre o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), e o filho, o empresário Fernando Sarney. Durante as conversas, eles negociam a nomeação de cargos por atos secretos.

Em um dos diálogos, Fernando Sarney diz à filha, Maria Beatriz Sarney (a Bia), que mandou Agaciel Maia (ex-diretor geral do Senado) reservar uma vaga para o namorado dela. Segundo a gravação, José Sarney se compromete em falar com Agaciel. Oito dias depois, o namorado da neta foi nomeado por ato secreto.

Em julho, Fernando Sarney foi indiciado pela PF do Maranhão por vários crimes, entre eles lavagem de dinheiro. O empresário é apontado nas investigações como chefe de um grupo acusado de ter forte influência política.

O jornal O Estado de S. Paulo transcreveu as conversas. Em seguida, a pedido de Fernando, o desembargador Dácio Vieira, do Tribunal de Justiça, determinou que o Estado não publique mais informações sobre a investigação do caso. Já são 69 dias sob censura.

quarta-feira, outubro 07, 2009 1 comentários

de.tudo.um.pouco.


dia.

sonho. susto. preguiça. banho. escolha. café. pressa. sol. calor. chave. sala. tarefas. leitura. cobrança. telefonema. cobrança. elogio. cobrança. texto. cobrança. extra. banho. mãe. almoço. pai. carona. aula. prova. medo. confusão. gargalhada. redação. despedida. goiaba. pastel. histórias. memórias. oi. reunião. sim. não. não. sim. confecom. possível. espera. amigos. carona. planos. novidades. desapego. sorvete. casa. banho. janta. coca. jornal. pig. novela. msn. irmã. briga. corte. irmão. briga. recorte. maquete. cola. suco. pipoco. tamarindo. escuridão. vela. reclamação. pilhas. dicionário. primo. secador. maçã. lente.

noite.







Saúde e ambiente

quarta-feira, outubro 07, 2009 0 comentários

Conferência discute saúde ambiental em Imperatriz

A fim de propor diretrizes para a Política Nacional de Saúde Ambiental, será realizada a 1ª Conferência Municipal de Saúde Ambiental, nos dias 08 e 09 de outubro, no Auditório do Hotel New Anápolis. Essa etapa é promovida pelas Secretarias Municipais de Saúde, Meio Ambiente e Desenvolvimento.

A 1ª Conferência Nacional de Saúde Ambiental tem como tema “A saúde ambiental na cidade, no campo e na floresta: construindo cidadania, qualidade de vida e territórios sustentáveis”. E como lema: “Saúde e Ambiente: vamos cuidar da gente!“

Segundo a coordenadora da Vigilância em Saúde e Meio Ambiente, Conceição Ribeiro Luz, as ações de mobilização visam sensibilizar o município dentro de um contexto macrorregional. “Para uma ampla discussão sobre as propostas é importante que a sociedade participe”, afirma.

As discussões serão norteadas pelos seguintes temas: O desenvolvimento e a sustentabilidade sócio-ambiental no campo, na cidade e na floresta; A produção, ambiente e saúde: desafios dos processos de produção e consumo nos territórios; A democracia, educação, saúde e ambiente: políticas para a construção de territórios sustentáveis.

Ainda de acordo com Conceição Ribeiro, a etapa municipal é deliberativa, elegendo oito delegados para a etapa estadual, que vai acontecer em São Luís, nos dias 14 e 15 de outubro. As inscrições serão realizadas no dia 08 de outubro, a partir das 8h, no New Anápolis.

Omissão do poder público

terça-feira, outubro 06, 2009 0 comentários

Carta Aberta da Comissão Maranhense Pró-conferência à Comissão Organizadora Nacional da Confecom

Sobre a convocação da etapa estadual da 1ª Conferência Nacional de Comunicação


O Governo Federal convocou, durante o Fórum Social Mundial, a realização da primeira Conferência de Comunicação (Confecom). Com o tema da Conferência é: “Comunicação: meios para construção de direitos e de cidadania na era digital”, a Conferência Nacional deve ocorrer entre os dias 01 e 03 de dezembro de 2009, precedida pelas Conferências preparatórias e estaduais.

No Maranhão, funciona desde o início de 2009 a Comissão Maranhense Pró-Conferência Nacional de Comunicação, composta por entidades e movimentos maranhenses que atuam na promoção e defesa do estado democrático de direito, dos direitos humanos, em especial, do direito humano à comunicação.

(...)

Os prazos foram terminando e quando a comissão esgotou a paciência, com a lentidão, omissão e marasmo do executivo estadual. Iniciou-se novo contato com a Assembléia Legislativa, com o intuito de solicitar a convocação por esta casa, conforme prevê o regimento da Confecom. Entretanto, após saber deste processo, o executivo estadual informou a comissão que convocaria a conferência e que o decreto sairia até o final do dia 02 de outubro. Assim, refreamos este processo e, mais uma vez, demonstramos a nossa disposição com o executivo estadual. Contudo, a semana terminou e a conferência não foi convocada.

Neste sentido, a Comissão Maranhense Pró-conferência de Comunicação solicita a Comissão Organizadora Nacional (CON), conforme prevê o regimento Interno da Confecom (Art. 7º § 3º), que a Comissão Organizadora Nacional convoque a etapa estadual da Confecom, no Maranhão.

Leia na íntegra: Comissão Estadual Pró-Conferência
Marco na democracia

“Nós, representantes do povo brasileiro, reunidos em Assembléia Nacional Constituinte para instituir um Estado Democrático, destinado a assegurar o exercício dos direitos sociais e individuais, a liberdade, a segurança, o bem-estar, o desenvolvimento, a igualdade e a justiça como valores supremos de uma sociedade fraterna, pluralista e sem preconceitos, fundada na harmonia social e comprometida, na ordem interna e internacional, com a solução pacífica das controvérsias, promulgamos, sob a proteção de Deus, a seguinte CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL.”

(Preâmbulo da Constituição Federativa do Brasil, publicada no Diário Oficial da União em 05 de outubro de 1988)


Defensora dos valores democráticos, a Constituição brasileira completa 21 anos. Promulgada em 1988, a lei suprema que justifica a validade das normas de conduta tem como princípios fundamentais: a soberania; a cidadania; a dignidade da pessoa humana; os valores sociais do trabalho e da livre iniciativa; o pluralismo político.



Desde a promulgação, a Constituição já foi alterada 58 vezes. Outras 934 propostas de emendas à CF tramitam na Câmara e aguardam votação. Dentre elas, o projeto de Lei popular sobre a vida pregressa dos candidatos, da Campanha Ficha Limpa.

Alterações no texto da Constituição só podem ser realizadas por meio de Emenda Constitucional, sendo que as condições para uma emenda modificar a Carta estão previstas na própria Constituição, em seu artigo 60.

Acesse: Texto compilado da CF